É trabalho, pensamento e luta das pessoas trabalhadoras para se organizar em locais de moradia e estudo de forma federativa, autogestionária, coletivista e apartidária.

Federativa porque vivemos em sociedade e precisamos um do outro, assim
como uma cidade da outra ou um país do outro para sobrevivermos bem e de forma saudável. É a estrutura política que permite organizar com outros povos ou pessoas do mesmo interesse.

Autogestionária porque devemos assumir nós mesmos, e revezar todas as atividades de nossos locais de convivência humana. Por que sobrecarregar a esposa ou a companheira com as tarefas da casa, se podemos dividir entre todos?

Isso também pode dar nas tarefas do bairro, da escola, do trabalho, cada um
fazendo aquilo que pode, sabe e gosta de fazer. Cada um contribuindo da maneira que puder e distribuindo as riquezas de seu trabalho entre todos os envolvidos.

Coletivista porque ao compartilhar, e portanto dividir o resultado de nosso
trabalho, estamos sendo honestas e justos com nossas irmãs ao invés de
trabalharmos todos para enriquecermos a patronal. Podemos trabalhar em
conjunto, distribuindo por igual a riqueza que nós mesmos construímos! E dessa forma iremos combater de fato desigualdades social que nos atinge.

Apartidário porque não precisamos de políticos e partidos para cuidar das
nossas vidas, das vidas de nossas famílias, de nossas comunidades, de nossas cidades, estado e países. Porque de parasitas já estamos cheios e se confiarmos em tais criaturas jamais conseguiremos nos ver livres. Sempre estaremos a mercê destes canalhas.

A pessoa anarcossindicalista utiliza táticas como a sabotagem, boicote,
paralisação, greve de advertência, entre outras como forma de pressão sobre a patronal e como pedagogia de luta presente no cotidiano. Sempre com o propósito de educar as pessoas trabalhadoras e também se educar, para a construção da greve geral revolucionária, que retire a indústria, o campo, o setor de serviços e o comércio das mãos da patronal e seja tomado diretamente e sem intermediários por todos nós. É a Ação Direta de todas as envolvidas (ao contrário de se esperar uma decisão das próximas) em comum acordo que deve determinar o andamento das coisas.

Nossa tarefa é desde já, se organizar em pequenos Núcleos ou Seções nos locais de trabalho, moradia e estudo para em conjunto de nossas semelhantes construirmos uma grande federação, que se inicie pequena, num bairro, numa escola e no trabalho. E que ela cresça para alcançar o tamanho da cidade, da metrópole, do Estado, do país, do continente e de todo o mundo. E que consiga destruir os maiores inimigos da humanidade, a patronal e as pessoas políticas e seus partidos, ou seja, o Estado e o Capital.

O que é anarcossindicalismo?
Tags:             

Deixe uma resposta