(Texto no jornal A-Info 71)

Campanha de solidariedade e apoio ao povo e aos anarquistas venezuelanos contra a ditadura do governo Maduro e contra os golpistas da direita venezuelana apoiados pelo governo dos Estados Unidos da América do Norte. 

Consideramos que o agravamento da crise é fruto da luta entre grupos dominantes que desejam o poder acima de tudo. 

Um grupo é orientado pelos conceitos neoliberais, pelo capitalismo internacional e visam o estabelecimento da estrutura burguesa, onde a desigualdade social feita pela exploração e opressão prevalece para garantir lucros absurdos. 

Outro grupo tem suas orientações nos conceitos da esquerda institucional marcada pelo assistencialismo para parcelas mais pobres, sem removê-las de suas condições miseráveis, um gasto desenfreado com materiais bélicos e uma busca do controle absoluto das estruturas do estado e assim impor um programa ditatorial e tirano em moldes dos regimes marxistas impostos no século XX.

Os conflitos estão se intensificam e o número de mortes nos protestos está em mais de três dígitos (de abril/2017 para cá, em mais de 150!). A quantidade de pessoas presas preocupa tanto como a violência que tem levado a Venezuela a uma guerra civil, pessoas irmãs atacando pessoas irmãs.

Mais uma vez a população está no meio dessa luta pelo poder, tornado uma peça que sem alimentos e sem remédios.  A organização direta e autogestão é uma opção de resistência. A solidariedade de nossas organizações pelo planeta deverá contribuir nesse processo, no total apoio as pessoas venezuelanas e organizações anarquistas envolvidas nos conflitos, resistindo aos ataques dos grupos de direita e esquerda, que não se importam com a vida do povo venezuelano.

Nunca se importaram e devemos romper com essa ciranda de violência e morte imposta pelos grupos dominantes de ambos os lados!

União e irmandade com nossas pessoas anarquistas na Venezuela, só a luta nos faz pessoas dignas e livres!

0
0
0
s2smodern
Joomla templates by a4joomla